sexta-feira, 28 de dezembro de 2007

Ano Novo


Que nesse ano Deus nos ensine a Paz,

e que estejamos todos prontos para ouvir,

Que os nossos erros não sejam o nosso fardo,

Mas a experiência para decisões melhores,

Que nesse ano a religião não seja razão para o ódio,

e que os inocentes sejam sagrados,

Que as diferenças não justifiquem problemas,

Mas que mostrem soluções diferentes,

Que nesse ano toda criança possa brincar,

e que elas tenham brinquedos verdadeiros,

Que seus pais não justifiquem discórdia hoje,

Mas que falem dos sonhos de um futuro feliz,

Que nesse ano a força seja das boas palavras,

e que as palavras sejam ouvidas,

Que o poder não derrube paredes sobre as pessoas,

Mas que destrua barreiras entre elas,

Que nesse ano as nações sejam unidas,

E que a união tenha significado e seja respeitada,

Que os governantes não se esqueçam

que a história não eterniza a vida, frágil e passageira,

Mas apenas pensamentos e ações,

Que nesse ano a natureza seja mãe,

E que, como filhos, tenhamos por ela o amor e o cuidado devidos,

Que as ações pelo Planeta não sejam assinadas apenas

pelas nações que compreendem os problemas,

Mas também por aquelas que os causam...

Nenhum comentário: