sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

Atirei o pau no gato

Atirei o pau no gatô-tô
Mas o gatô-tô
Não morreu-reu-reu
Dona Chicá-cá
Admirou-sê-sê
Do berrô, do berrô que o gato deu: Miauuu!

Nenhum comentário: