Eu

A novidade é que o sol saiu pra clarear
Incendiar meus instintos e me comandar
Gosto de flores, de cor, de brilho e de sorrisos
Burburinho da movimentação diária me atrai
O silêncio das noites frias me cativa
Quero o melhor do dia e o mais atrativo da escuridão
Escuridão não dura pra sempre
E a novidade é que meu pranto secou
Estancado pelas gargalhadas de alegria que agora tenho
De sobra nada, mas de verdade tudo em mim
Sou inteira e intensa, conto os dias e horas pra ser eu
Sou gratidão e muita reviravolta me acompanha
Sou feita de mais nervos que qualquer outro ser
Tenho pavio curto e teimosia me sobra
Pirraço quando quero vencer pelo cansaço - é o que pensam
Mas a verdade é que não desisto fácil
Mas quando desisto é pra sempre
Nem de brincadeira eu assumo meu fracasso pra qualquer um
Não me iludo, não tenho preconceitos ou fórmulas prontas
Mas o hoje é tudo de bom! é o que me pertence! Presente!
Quem vive de passado é museu
Quem se preocupa demais com futuro morre cedo
Sou forte, frágil, doce, firme, às vezes vou no impulso
Umas me arrependo, noutras nem tanto
Não guardo remorsos nem rancores
Amo muito e sou leal, companheira, eletricamente sigo
Melhor é viver com paixão e verdade - e isso tenho de sobra!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Corte do cabelo da Priscila Fantin passo-a-passo

Ain't Got No / I Got Life

Faça o bem e dê amor