De onde você veio?


A mensagem do culto deste domingo falou sobre Geazi, e falou muito comigo sobre situações em que pensamos estar levando vantagem, mas que ao final, temos grandes decepções.

Geazi era criado de Eliseu,e este era muito conhecido por que Deus operava grandes milagres através dele. Certa vez, Naamã, um general da Síria muito importante, foi até Eliseu, porque fora informado de que este o poderia livrar da lepra. E assim sucedeu.

Como agradecimento, Naamã queria presentear Eliseu com todas as especiarias que tinha e com muitos metais, mas esse não aceitou, e Geazi, que desejava receber aqueles presentes, foi até Naamã e inventou uma história para aceitar ele mesmo os presentes.

Quando voltou para perto de Eliseu mentiu novamente quando o Eliseu perguntou de onde ele vinha, e como castigo, Eliseu lançou sobre ele e toda sua geração a lepra que antes afligia Naamã. (2 Reis, 5)

É assim também na nossa vida diária: de tudo o que nos aproveitamos que não é correto, adquirimos também as maldições. Quando nos misturamos aos que mentem, temos o castigo dos mentirosos, quando somos gananciosos e passamos por cima de tudo e todos sem escrúpulos também recebemos nossa paga. Deus conhece os nossos caminhos, nossos erros, é espera que nos arrependamos, que contemos tudo a Ele, sem mentiras, que nos afastemos do que é errado.

Sejamos mais cautelosos com nossas escolhas diárias, a fim de não marcarmos a nossa vida e a de nossos queridos por ações desonestas e que acrescente-nos dor e lágrimas.

Um abismo puxa outro abismo, assim como ações ruins atraem outras ruins, e as atitudes corretas também atraem para nós coisas positivas. Busquemos o nosso bem, nos importando também com o bem do nosso próximo.

Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças, e de todo o teu entendimento, e ao teu próximo como a ti mesmo. (Lucas 10:27)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Corte do cabelo da Priscila Fantin passo-a-passo

Ain't Got No / I Got Life

Sobre mentiras e verdades