Dormir mal engorda



Depois de noites "viradas", você começa a perceber que seu raciocínio está mais lento e que sua capacidade de concentração está cada vez menor. E quanto mais tempo você fica sem dormir, mais parece que os quilinhos na balança aumentam.

Produzida durante o sono, a leptina é um hormônio que regula o apetite enquanto se está dormindo. Quando se dorme menos do que o necessário, o hormônio é produzido em menor quantidade, fazendo com que a pessoa coma mais. "Quem dorme mais, tem menos peso do que quem dorme menos", comenta o neurologista Shigueo Yonekura.

"Pessoas que não dormem bem tendem a criar gordura, e não massa muscular", comenta o neurologista e chefe do Setor de Distúrbios do Sono do Instituto do Sono de São Paulo, Ademir Baptista da Silva.

Mas quando se fica noites inteiras sem dormir, há ainda o risco de que não se consiga memorizar corretamente situações vividas durante o dia. "O sono serve para memorização, o que nós aprendemos é gravado durante o sonho", explica Yonekura.

Há ainda o risco de casos de hipertensão e diabetes terem uma piora, pois quando se fica muito tempo sem dormir a liberação de uma substância chamada noradrenalina aumenta, elevando a pressão arterial.

Além da sonolência característica, quem fica muito tempo sem dormir (mais de seis dias seguidos, por exemplo), tem ainda chances de, em casos mais graves, ficar desorientado chegando até a ter alucinações. "A pessoa pode sim enlouquecer, pois as alucinações são o protótipo da loucura. Ela pode ainda ter comportamentos esquizofrênicos", explica Silva.

Recuperando o sono perdido
Quando se fica noites inteiras e seguidas sem dormir, a única maneira de recuperar o sono perdido é aumentando em uma ou duas horas o tempo dormido de noites subseqüentes. "É preciso dormir vários dias a mais para compensar. Acredita-se que se demore cerca de dez dias para compensar o sono perdido", comenta Silva.

Segundo o neurologista Shigueo há ainda quem consiga fazer um banco de horas de sono. "Algumas pessoas conseguem dormir algumas horas a mais do que o habitual na noite anterior para gastar esse tempo na noite seguinte."

Para quem passou uma noite em claro, vai a dica do especialista: "Durante o dia, tire vários cochilos de até 10 minutos, eles funcionam melhor do que se você dormir apenas uma hora."

Possíveis conseqüências de noites mal dormidas:
- Ajuda a engordar
- Baixa imunidade
- Baixa memorização
- Cansaço físico
- Depressão
- Envelhecimento precoce
- Falta de concentração
- Irritabilidade
- Má regulação da temperatura corpórea
- Piora em quadros de hipertensão
- Sonolência

Serviço:
Ademir Baptista da Silva - neurologista
http://www.sono.org.br/

Shigueo Yonekura - neurologista
http://www.institutodosono.com.br/


Fonte: Terra

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Corte do cabelo da Priscila Fantin passo-a-passo

Ain't Got No / I Got Life

Sobre mentiras e verdades