Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2011

Amigo de ocasião

Dia 20 comemoramos o Dia do Amigo e estava refletindo sobre as pessoas que passam pela nossa vida...
Amigo de ocasião ou mais diretamente, por conveniência? É. É difícil aceitar, admitir e principalmente, conviver com eles. Mas como assim? Não se espante. Nem fique muito admirado, pois talvez você também seja amigo (ou considerado por alguém) apenas por algum interesse repentino, ou mesmo durador. 
Tem gente que de cara a gente se identifica, tem traços que nos são agradáveis, com elas nos sentimos seguros, aprendemos ou simplesmente recebemos tanta energia boa que gostamos de estar perto delas, essas afinidades crescem e quando nos damos conta estamos cada vez mais próximos e laços de amizade são notáveis, inseparáveis. Passamos o máximo de tempo juntos – mesmo que isso signifique alguns minutos, e realmente gostamos dessas pessoas, se a correria do dia-a-dia nos afasta um pouco, dói, mas basta passarmos alguns minutos ao telefone ou passar um pelo outro que a cumplicidade reacende e h…

Vida em Reforma

Imagem
Meu sumiço por aqui não é falta de tempo, apesar dele estar sempre escasso, nem falta do que dizer, pois os pensamentos movimentam-se intensa e freneticamente em minha cabecinha. Mas é falta de foco, de direção, de descisão. Não quero sair por aí derrubando pra todos os lados as coisas que sinto e penso, preciso pensar mais que falar, e agir também, e principalmente.
Queria (aliás, quero, pois é pra frente que se anda), mudar meu corpo e meu comportamento. Já mudei muito, só que nem toda mudança é benéfica. Meu corpo, por exemplo, após a gravidez do Samuel mudou pra pior, ganhou contornos recheados de flacidez e gordura localizada (a dieta dos pontos e 2 horas diárias de academia são meus melhores amigos no momento, planos com data: a partir de amanhã, quando tenho avaliação física, que promete ser assustadoramente reveladora).
Nossa vida e relacionamentos também mudam, e quase sempre pra pior. Lembra quando você era novo, com menos resposabilidades e podia se dar ao luxo de dormir até …